Minha lista de blogs

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Tempo



Quando
O galo canta
Pela madrugada
Não digo nada
Penso...
Lembro-me
De um tempo
Em que a tristeza
Não fora ainda
Inventada

Éramos tantos!

2 comentários:

franciscosguardiano disse...

Gosto muito da maneira com que você trata a questão da perda de entes queridos.Identifico-me com ela.

Zélia Guardiano disse...

É...A falta daqueles parentes e amigos que já se foram causa uma dor indescritível, mas tento expressá-la...