Minha lista de blogs

quarta-feira, 11 de abril de 2012

RECURSOS


Um curativo
(Gaze
Mertiolate
Esparadrapo)
No coração
Uma sutura
Aqui
Acolá
Em toda
A extensão
Da alma
Repiração
Profunda
(Tentativa
De calma):
Quem sabe

Pra arrastar
A vida
Via de regra
Mala
Sem rodinhas
E sem alça

42 comentários:

Misturação - Ana Karla disse...

E vou arrastando a vida com ânimo.
Bom dia Zélia!!!
Xeros

Zélia Guardiano disse...

Bom dia, minha querida Ana Karla!
Que bom: você me contagia com seu ânimo!!! Grata, amiga! Mil beijos

Assis Freitas disse...

"tudo é uma questão de manter/a mente quieta/a espinha ereta/e o coração tranquilo',


abraço

Zélia Guardiano disse...

É isso aí, Assis, amigo, grande poeta!
Há recursos...rs... Ainda bem!
Abraço

Lara Amaral disse...

A gente tenta, empurra. Às vezes algo que nos leva...

Beijo, querida, um bom dia!

Zélia Guardiano disse...

Isso mesmo, Larinha! A gente vai empurrando, de um jeito ou de outro...rs... Não é mesmo? Mas que não é fácil, não é...
Beijinhos, carinhoso, querida

Zélia Guardiano disse...

Isso mesmo, Larinha! A gente vai empurrando, de um jeito ou de outro...rs... Não é mesmo? Mas que não é fácil, não é...
Beijinhos, carinhoso, querida

Daniela Delias disse...

Eu acho que dá rs...
Linda!
Bjo

Zélia Guardiano disse...

Dá, sim, Dani querida... Sem dúvida! A incerteza é só para efeito poético...rsrsrs...
Beijão, minha linda!

Rayuela disse...

abracemos los recursos, y andemos la vida!

besos, zélia*

Leonardo B. disse...

[por mais pesada a bagagem, por mais pesada que aparente

o seu peso é sempre menor que o que o nosso sorrir "aguenta"!]

um imenso abraço, Amiga Zélia

Leonardo B.

poetaeusou . . . disse...

*
senti-me suturado . . .
,
emaladas conchinhas,
deixo.
*

Zélia Guardiano disse...

Isso mesmo, querida Rayuela! Isso mesmo! Em frente, a marchar, a despeito do peso a carregar...rs...
Grata, amiga!
Mil besos

Zélia Guardiano disse...

Oh, Leonardo, meu querido amigo, grande poeta... que bom ter-te aqui!
O sorriso é maior...Certo!
Grata, muito grata!
Abraço bem apertado!

Zélia Guardiano disse...

Grata, Poeta, meu querido amigo, poeta grandioso...Tu me trouxeste a palavra perdida: saturado... Era isso que eu queria dizer e faltou-me o vocábulo...rs...
Abraço cheio de admiração

Zélia Guardiano disse...

Isso mesmo, querida Rayuela! Isso mesmo! Em frente, a marchar, a despeito do peso a carregar...rs...
Grata, amiga!
Mil besos

Vitor Chuva disse...

Olá, Zelia!

Essa especialidade da medicina ainda não foi crida; talvez um dia, com tantos avanços na tecnologia.E que jeito daria....!

Boa peregrinação, e já agora leva uma das outras malas, para te facilitar a vida ...

Abraço amigo, fica bem.
Vitor

Diana L. Ramos disse...

Entendi minha amiga...O sorriso interior ajudará!
Que sua mala se torne leve como uma pluma.Bjs

Constança Lucas disse...

há que adivinhar as vidas escondidas dentro das vidas do cotidiano - abraços

Fátima disse...

Quem sabe né amiga?
Bjs.

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

A vida sempre vale à pena ser vivida. As forças, para suportar o peso do que será vivido, são recursos que estarão às nossas mãos. Eu creio!

Um beijo, Zélia,
da Lúcia

Toninhobira disse...

Minha amiga o importante é levar esta mala sem alça,sem rodinha, mas saber que lá na frente há um cantinho quentinho para repousar.
Linda na belissima construção como sempre.
Viver é mesmo esta enfermaria de nossos sentimentos.
Um carinhoso abraço de muita paz e luz com toda minha admiração.
Belo fim de semana a voce e familia.
Bjo.

Bípede Falante disse...

E muitas vezes com cadeado!! :)
beijoss

Luciana Marinho disse...

"A vida
Via de regra
Mala
Sem rodinhas
E sem alça."

Lindo, lindo!
Você arrasa, Zélia, com uma simplicidade ímpar.

Beijos!

pensandoemfamilia disse...

Que a mala encha-se de energias positivas e se torne leve.
bjs

Fred Caju disse...

Vamos tentando carregar essa mala como der.

Aproveitando, deixo aqui um vídeo para xs leitorxs do espaço: http://vimeo.com/40411264

Zélia Guardiano disse...

Vitor, querido amigo
Foi maravilhosa a peregrinação!
Fiquei meditando sobre a vida, lá no alto, por entre montanhas e o resultado foi muito bom!
Grata, amigo, pela amável visita !

Zélia Guardiano disse...

Oh, Diana, minha linda amiga! Você chegou e já senti mais leve a bagagem... Grata!!!
Mil beijos carinhosos!!!

Zélia Guardiano disse...

É isso mesmo, Constança amiga! É preciso que se faça uso da advinhação!!! Ao menso, de vez em quando...rs...
Abraço cheio de carinho!

Zélia Guardiano disse...

Quem sabe, Fatima querida...
Quem sabe...rs...
Beijão, preenchido de amizade!!!

Zélia Guardiano disse...

Oh, Lucia, minha querida... Que bom tê-la aqui!!!
Ainda mais trazendo-me sábias palavras...
Muito, muito grata, querida!
Beijos carinhosos para você!

Zélia Guardiano disse...

Disse-o bem, minha querida Lelena: muitas vezes com cadeado...
Grata, minha linda, pela visita e pelo comentário deixado...

Zélia Guardiano disse...

Obrigada, Norma amiga!
Obrigada!
É sempre um prazer recebê-la aqui!
Beijinhos carinhosos! Mil deles...

Zélia Guardiano disse...

Vamos que vamos, Fred amigo!
Vamos que vamos!!! rs...
Quanto ao vídeo, fico-lhe muito grata!
Abração, meu querido!

Zélia Guardiano disse...

Vitor, querido amigo
Foi maravilhosa a peregrinação!
Fiquei meditando sobre a vida, lá no alto, por entre montanhas e o resultado foi muito bom!
Grata, amigo, pela amável visita !

manuel marques disse...

Quando não dá empurra-se...

Beijo e bom fim de semana.

Beth/Lilás disse...

Oi, Zélia!
Estive em falta contigo e com alguns outros amigos ultimamente, mas voltei para inspirar-me através de tão belas poesias.
Eu também vou arrastando minha malinha que não posso reclamar, ainda é pequena.
bjs cariocas outonais

Joelma B. disse...

é só colocá-la sobre um (es)tri(bi)lho...e fica mais fácil levá-la, hein!?

:D

Beijinho co admiração, Zélia!

Assis Freitas disse...

quem sabe na urgência tudo vira emplastro,



abraço

Vitor Chuva disse...

Olá, Zelia amiga; Boa tarde!

Fico contente por saber que gostaste da experiência, que tudo correu bem.
É muito bom quando o resultado nos provoca esse agradável sentimento de descoberta bem sucedida.

Um bom fim de semana; e abraço amigo.

Vitor

Toninhobira disse...

Oi Zelia desejo-lhe um belo domingo de paz e alegria na familia.
Saudade deste cantinho poetico.
Um abração amiga.
Bjo.
Em tempo o blogger tem hora que fica meio doido mesmo amiga.
Aqui mesmo faz crer de uma postagem recente sua.
Um abração.

Ana Martins disse...

E a vida continua, com uma sutura aqui e outra ali, às vezes até parece que somos nós quem a empurramos com grande esforço.

Beijinho,
Ana Martins