Minha lista de blogs

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Cascata



Significativa
Mancha
De mofo
Na parede
Da sala
Bem ao lado
Da porta
De entrada
De casa

Um desenho
Escorrido
Artisticamente
Traçado
Pela água
De chuva
Que
Sempre
Vaza
Da calha

Vem
Lá do alto
E
Inunda-me
A alma
Como se fosse
Uma cascata
Na penumbra
Deste
Anoitecer

Deslumbra-me

Véu de Noiva?
Niágara?

Ou
Catarata de Lodore?

23 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Muito bom o teu poema, amiga Zélia.
Um abraço fraterno. Tenha um bom dia e também um bom finds.

Celso Mendes disse...

De tudo que nos inunda a alma há de se escorrer sentimentos. Belo poema!

beijo.

Fatima disse...

Vc é ótima Zelia!!!
Sempre!
Estou na lista esperando o lançamento do livro viu!
Sou sua fã nº 1.
Bjs.

Sonhadora disse...

Minha querida

Uma bela cascata de palavras...belas como sempre.

Deixo um beijinho e agradeço o carinho, estou de volta.

Sonhadora

Lara Amaral disse...

Seus olhos de poetisa sensível sempre veem mais, devaneiam além.
Linda sua enxurrada!

Beijo.

MIRZE disse...

Sentimentos escorrem como um véu de noiva ou mesmo porque sabem que vão virar poema!

Show, Zélia querida!

Beijos

Mirze

dade amorim disse...

A imaginação dá as mãos a tudo que é belo, e quando se trata de poesia isso se torna quase sempre um momento de êxtase.
Belíssimo, Zélia.

Andre Mansim disse...

Belo texto!
Sabe uma coisa que não entendo é porque cascata é sinônimo de mentira e de cachoeira ao mesmo tempo... Engraçado né?

Aparece lá no blog, está sumidinha!!!

Cacá - José Cláudio disse...

Uma artista tem uma olhar fascinante. Olhos que veem o que ninguem mais vê. Maravilha você, Zélia! Meu abraço. paz e bem.

Abraão Vitoriano disse...

O blog “É O MENINO HOMEM?” vai comemorar o 3º aniversário e convidado especial é VOCÊ! Convido-te a participar do Blogagem Coletiva: “MINHAS PRIMEIRAS LEITURAS”, que acontecerá neste domingo (17 de Julho), com a intenção de promover um interessante diálogo sobre as iniciais experiências no universo encantado das palavras... Não deixe de conferir e rememorar momentos tão inesquecíveis! Confirme sua presença no meu blog e veja o regulamento para a postagem.

Um beijo,
do MENINO-HOMEM

Fique com Deus!

R. R. Barcellos disse...

Na corredeira encachoeirada de tua pena,
Em cascatas flui teu verso, poetisa.
E nele eu banho minha alma,
Mergulhada em êxtase!

Aplausos!

Luiza Maciel Nogueira disse...

Zélia palavras reconfortantes, cachoeira de luz!
bjs

Andradarte disse...

Seja o que for....é uma cascata linda
na imagem e nas palavras...
Beijo

Maria di Maria disse...

Lindo seu blog e suas palavras. Te convido
para conhecer o meu: www.mariadimaria.blogspot.com
Um abraço
Maria di Maria

Rose disse...

Zélia, sou daquelas pessoas que se emocionam facim, facim.
Me encantei com suas palavras e vim correndo conferir seu material...srsrsrsr
APAIXONEI-ME.
Uma cascata exclusiva faz jus ao poema...srsrsrsr
Sigo-te tbm.Daqui pra frente vc é, para mim, querida.
Bjim.

Salete Cardozo Cochinsky disse...

B R A V O !
Um crescente de fora para dentro aqui colocado. Ah, esse trânsito entre o externo e o interno, entre a matéria, a coisa física e as emoções que ocorrem através do psíqico.
Os signos, símbolos e sigificados.
Beijos

Fred Caju disse...

Para mim, há muito mais que três opções!

Assis Freitas disse...

cascata é sempre em queda: livre

abraço

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

vc tem um dom especial Zélia... de ver. Ver em profundidade, ver além do que os olhos comuns enxergam. e isto reflete na sua arte.

Maravilhoso!

boa semana pra vc!

Cida disse...

Feliz daquele que consegue ver beleza até em uma mancha de mofo!

A única explicação, é que, essa pessoa também tem a alma linda! :)

Feliz semana pra você, amiga Zélia.

Fique bem. Fique com Deus.

Beijos meus,

Cid@

Luciana Marinho disse...

quando mofo em parede é senha para poesia, a gente vislumbra o quanto é imenso e fabuloso o universo do poeta!

beijão, zélia!!

Fatima disse...

Abençoados os que possuem amigos, os que os têm sem pedir.
Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende.
Amigo a gente sente!

Benditos os que sofrem por amigos, os que falam com o olhar.
Porque amigo não se cala, não questiona, nem se rende.
Amigo a gente entende!

Benditos os que guardam amigos, os que entregam o ombro pra chorar.
Porque amigo sofre e chora.
Amigo não tem hora pra consolar!

Benditos sejam os amigos que acreditam na tua verdade ou te apontam a realidade.
Porque amigo é a direção.
Amigo é a base quando falta o chão!

Benditos sejam todos os amigos de raízes, verdadeiros.
Porque amigos são herdeiros da real sagacidade.
Ter amigos é a melhor cumplicidade!

Feliz dia do amigo!

Bjs.

Evanir disse...

Estamos distantes e ao mesmo tempo tão perto..
A amizade
que nos une pode vencer todas as distâncias.
Ela sim é mais forte que o tempo.
No decorrer da nossa existencia se vacilamos
em alguma coisa.
Seus verdadeiros amigos estão ali sempre
a seu lado mesmo se o Mundo conspire
contra você.
Hoje quero deixar um abraço através dessa telinha e dizer
te amo linda amizade por tudo que representa na minha vida.
Um beijo carinhoso,Evanir.
Tem o presente na postagem.
Amigos Para Sempre.